Recentemente

Notícias

Vou de férias... e o cão?

As férias do seu cão

Se tem um cão lembre-se que ele também faz parte da familia, como tal há que garantir o seu bem estar em qualquer altura do ano, inclusivamente quando se prepara para ir de férias. Existem várias hipóteses que poderá ter em conta.

Deixar o seu cão com um familiar ou amigo.

Seguramente terá um amigo ou um familiar que gosta de animais e que não se importaria de ficar com o seu durante um período curto de tempo. Esta opção poderá ser muito boa e securizante para o seu animal no caso de conhecer a pessoa com quem vai ficar. No caso de não haver um relacionamento entre o seu animal de estimação e essa pessoa bastará que lhe deixe objectos que conheça ( comedouro, brinquedos e a sua cama ) para que se sinta mais em casa.

Deixar o seu cão num Hotel para animais.

Esta é também uma hipótese a ter em conta. Embora possa ser um pouco mais dispendiosa, estas instituições cuidarão da alimentação, higiene e passeios do seu animal. Não se esqueça de fazer uma visita prévia ao hotel/canil onde pretende deixar o seu animal para confirmar se as condições o satisfazem. Faça isto antes de tomar uma decisão.

Leve o seu animal consigo.

Esta será sem dúvida a hipótese que mais agradará ao seu animal, no entanto, se optar desta forma terá de ter em conta vários factores.

O sítio para onde fôr terá de aceitar animais de estimação ( Infelizmente não são todos !!!! ). Garanta isto à partida.

Investigue também qual o Veterinário mais próximo do sítio onde vai ficar e tenha o contacto à mão. Desta forma, se acontecer alguma coisa ao seu animal saberá onde se dirigir.

A forma como vai viajar é também muito importante. Aqui lhe deixamos alguns conselhos importantes a seguir

Se viajar de carro

O seu animal pode enjoar. Antes de viajar peça ao seu veterinário comprimidos para o enjoo.

Leve àgua para dar ao seu animal. É muito importante que o seu animal possa beber durante a viajem, principalmente se estiver muito calor.

Faça paragens de 2 em 2 horas para que o seu animal possa fazer as suas necessidades. Atenção à abertura da porta do carro, deverá ser sempre aberta a porta do lado contrário à estrada. O seu animal deverá ser preso por uma trela pois poderá assustar-se com algum ruído e fugir.

Atenção à segurança do seu animal. Tal como uma criança se o seu animal estiver solto poderá colocar em risco a segurança de todos os ocupantes do veículo. Se estivermos a falar de um animal de porte pequeno o ideal será levá-lo numa caixa transportadora. Caso se trate de um animal grande, já existem no mercado cintos próprios para cães que deverão ser ajustados segundo as necessidades. Jamais leve o seu animal com a cabeça de fora da janela pois poderá ter consequências muito graves.

Se viajar de avião

Poderá ter o seu animal junto de si e dentro de uma caixa transportadora se pesar menos de 5 kilos. Se for um animal grande terá de viajar no porão.

A viagem no porão poderá ser muito stressante para o seu animal por isso faça-o acompanhar de objectos conhecidos.


Atenção: Cadelas em fase de lactação ou com o cio não deverão viajar. Os cachorrinhos também não podem viajar se tiverem idade inferior a 9 meses.

No caso que a sua viagem de avião seja para o estranjeiro contacte a embaixada do país destino para saber que precauções deverá tomar em relação ao seu animal nomeadamente no que diz respeito a certificados de saúde exigidos.

Se viajar de comboio

É uma excelente opção para viajar como seu animal pois estará completamente livre para lhe dar toda a assistência que possa vir a necessitar.

Leve àgua e comida para o seu animal no caso de ser uma viagem longa.

Como não controla as paragens do comboio esteja precavido com papel de jornal e saco de plástico na eventualidade do seu animal não aguentar as suas necessidades fisiológicas.....

 
 
Está em... Home Notícias Temas diversos Vou de férias... e o cão?